sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Golaço!




















Notícia retirada do site Globoesporte:

"Com pedido aprovado, Botafogo fica a um passo de voltar ao Ato Trabalhista.

Clube recebe comunicado favorável do TRT. Expectativa é de que em janeiro o clube consiga desbloquear parte de sua receita".

Meu comentário: Golaço da nova diretoria! Palmas para o presidente Carlos Eduardo Pereira, que em menos de 30 dias no comando do clube, já conseguiu amenizar vários problemas deixados pelo antigo mandatário.

Aliás, a volta ao Ato Trabalhista com a nova diretoria no comando do Botafogo também mostra o quanto não havia qualquer crédito e/ou confiança na praça com o sonegador Mauricio Assumpção.

Dias melhores virão!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Primeira entrevista
















Oficialmente apresentado como novo treinador do Botafogo, o Renê Simões falou sobre as dificuldades que terá pela frente em 2015 (clique aqui para a entrevista completa).

Destaco o trecho em que ele listou o trabalho na montagem do elenco alvinegro:

"- Conversamos e estamos bem encaminhados. Já temos a relação de jogadores que queremos e fizemos aquela relação de jogadores que sonhamos. Vamos ver o que será possível. Gera a necessidade de muita união entre todos, não sabemos que relação vamos conseguir. Temos que nos basear em muito foco, em meritocracia. Vamos ter que ter muito trabalho duro".

Bom, eu já falei e repito: Não gosto do Renê Simões como treinador. Não seria a minha escolha. Mas agora que ele foi o escolhido, tem toda a minha torcida. Principalmente se realmente escalar e montar o time na base da meritocracia, e não por "interesses maiores ou externos".

Já será um importante passo.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

No desespero, traz de volta!

















Depois de tantas dispensas e demissões, o Botafogo só conta com os péssimos Dankler e Matheus Menezes como opções para a zaga.

E diante da situação financeira catastrófica deixada pela gestão Mauricio "Sonegação", fica difícil imaginar que bons jogadores sejam contratados à curto prazo. 

Diante do desespero de ver qualquer um dos dois defensores citados no time titular em 2015, acho que o presidente Carlos Eduardo Pereira deveria rever a situação do Bolívar, mesmo que ele não estivesse apresentando bom futebol (e a mesma disposição) um pouco antes de ser dispensado pelo ex-mandatário.

O próprio Bolívar deu a entender que aceitaria um retorno:

"- Pude acompanhar quando teve a posse do novo presidente, ficamos sabendo das palavras dele falando do nosso retorno. É uma atitude bacana, foi provado que ele via nossa dedicação. Mas, infelizmente, a situação já estava para um lado em que estávamos rescindindo contrato e procurando nossos direitos. Mas, sem dúvida nenhuma, se tiver oportunidade e se o presidente puder contar com a minha presença, o Bolívar pode estar no Botafogo ano que vem". 

É pegar, largar...
...ou depender de Dankler e Matheus.

Deus nos livre e guarde!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Mais um na justiça



















Notícia retirada do site Lancenet:

"Com salários atrasados, Gabriel entra na Justiça para deixar o Botafogo.

Volante alega também outros encargos devidos para rescindir com o clube. Liminar já foi encaminhada à CBF para o pedido de rescisão com o Alvinegro". 

Fato: Ele está no seu direito.

Agora, em se tratando do Gabriel, que sabe que é um dos pilares do time e querido pela torcida, acho que poderia dar um voto de confiança à nova diretoria.

Curioso é que há duas semanas atrás, logo após a confirmação do nosso rebaixamento, o jogador escreveu no seu Facebook:

"Nação botafoguense, com a cabeça mais fria venho aqui pedir desculpas para vocês! Desculpa por não ter conseguido manter esse time na Série A. Tente, dei o máximo, mas não foi possível. Essa imagem é apenas o choro de alguém que ama esse clube, eu amo essa torcida que sempre me ajudou! Como já disse, fico no Botafogo para 2015. Tenho a missão de botar esse clube de volta na Série A. Abraços para todos. Triste, mas conto com vocês. Estamos juntos".

Enfim, mais uma grande perda e a certeza de que não existem mais jogadores com verdadeiros sentimentos por seus clubes. Pelo menos aqui no Brasil. 

De todo modo, o Botafogo é muito maior que Gabriel ou qualquer outro.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Sem zagueiros
























Um dos poucos jogadores do elenco a terminar a decepcionante temporada de 2014 com crédito, o zagueiro André Bahia é mais um a deixar o GLORIOSO.

O defensor acertou a sua saída para o futebol japonês.

Depois da venda do Dória, demissão do Bolívar e, agora o Bahia, sobraram - por enquanto - os péssimos Dankler e Matheus Menezes.

Que os Deuses do Futebol nos protejam!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

domingo, 14 de dezembro de 2014

Continuação da mesmice

















Notícia retirada do site Lancenet:

"Experiente na Série B, René Simões será o técnico do Botafogo.

Presidente do Alvinegro, Carlos Eduardo Pereira, deu acerto como encaminhado e elogiou trabalho do novo comandante à frente do Coritiba na segunda divisão do Brasileiro".

Seria muito melhor investir em algum jovem valor, como tentou fazer o Vasco com o Marquinhos Santos (só não deu certo por conta de problemas particulares do treinador). Até mesmo o Guto Pereira, Argel....

Enfim, não gostei desse possível acerto com o Renê.

E os amigos, o que acham?


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

sábado, 13 de dezembro de 2014

Farinha do mesmo saco

















Ainda não é oficial, mas tudo indica que depois de quatro anos de parceria, a Viton 44 não estampará as suas marcas no uniforme do Botafogo em 2015.

As duas partes ainda discutem valores, que se fechados, certamente serão menores do que os de 2014.

Mas o surpreendente foi o tom das palavras do dono da Viton 44, Neville Proa, sobre o acordo firmado com o ex-presidente Mauricio Assumpção e a maneira como o clube administrava os recursos da patrocinadora:

"- A antecipação não era para pagar jogador, era da rodinha lá de dentro. Só pode ser isso, mais nada. Eu não sabia de nada. Única e tão somente, eu fazia propaganda. Vivemos só disso, e nos deu uma visibilidade enorme. Infelizmente, acontece de encontrar esses sem-vergonha, safados, como tem um monte no Brasil".

Em resposta ao executivo, o ex-mandatário se pronunciou:

"- Desconheço o termo rodinha. Não sei do que se trata. Existe a comprovação de todos os pagamentos feitos com o dinheiro do patrocínio ao longo dos anos. Basta perguntar ao conselho fiscal. Infelizmente, o senhor Neville teve um lapso de memória. Há um documento em que ele dá anuência à antecipação com intermediação do Banco Modal".

Querem a minha opinião?

Posso estar cometendo uma grande injustiça, mas para mim, os dois são farinha do mesmo saco.

Um não era conhecido até ontem e, graças ao Botafogo, apareceu para o Brasil e se coloca como a última Coca-Cola do mercado. Já o outro...
...bem, o outro certamente conhece o termo "rodinha", sim senhor!

Quero que Viton 44 e Mauricio Assumpção se F!

O Botafogo é muito maior.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Alguém leve, por favor!

















E lá vem o Jobson com mais promessas...

"- Esse ano não fiz pré-temporada, nem nada. Quando cheguei, fiquei sem jogar. Agora vai ser diferente. Em 2015, já vou chegar junto com o grupo, jogar o Carioca. É outra história. Espero conseguir aqui no Botafogo o acesso à Série A no ano que vem, dar a volta por cima. O foco é fazer com que o Botafogo suba. Quero ficar, vou dar o sangue para ajudar o time a voltar à elite ".

Pelo amor de Deus, essa peste vai continuar em General Severiano?

Garantia de mais problemas, dores de cabeça e nenhum resultado prático em campo.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Não pode ser sério

















A diretoria do Botafogo já decidiu que o técnico Vagner Mancini e o gerente de futebol Wilson Gottardo não continuarão no clube em 2015.

Até aí, boas notícias.

O treinador, apesar de todas dificuldades extra-campo, fracassou. E o Gottardo não fez nada de relevante, além de ter criado atrito com alguns jogadores. Principalmente com o grande (e único) ídolo da torcida: O goleiro Jefferson.

O problema são os nomes especulados para o comando técnico do time na próxima temporada.

Ainda estamos na fase das especulações e "achismos" dos sites esportivos, mas dizem que o Renê Simões e Joel Santana são dois nomes que andam circulando nas internas de General Severiano.

Eu juro que estou torcendo para que sejam blefes ou invenções baratas para se vender notícia/jornal.

O Renê é um prolixo metido a professor e com trabalhos medíocres. Com todo respeito às mulheres no futebol, mas ele é bom para ser treinador de time feminino. E olhe lá!

No caso do Natalino, putz, pior ainda! Aí eu saio do sério por completo mesmo.

O pior é que questionado sobre essa "ventilação de mercado", o ex-treinador do Vasco falou:

"- Veja o que o nosso glorioso Botafogo está enfrentando. Encontro torcedores nas ruas e alguns me perguntaram se eu aceitaria a missão de ajudar o Botafogo em 2015. Digo que se me chamarem, eu vou. Alguns jogadores de lá até me ligaram para falar a mesma coisa, se eu aceitaria. Eu disse que sim".

Que pesadelo! 


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Prioridade máxima


















Quase todo bom time começa por um bom goleiro.

Não foi o caso do Botafogo em 2014, que teve um excelente arqueiro, mas o restante da equipe era de dar náuseas.

Para a próxima temporada, a principal meta da nova diretoria precisa ser a permanência do Jefferson.

Isso deve ser tratado como prioridade máxima.

Mas a primeira reunião com o empresário do jogador não foi das mais animadoras, segundo o responsável que responde pelo camisa 1 botafoguense:

"- O Botafogo ainda não apresentou nada de concreto e nem disse como vai fazer para resolver as pendências financeiras. A nova diretoria tem boa vontade, mas eles têm muitos pepinos para resolver. Estão se movimentando para diversas coisas e ainda não possuem condições de apresentar um projeto. Sabemos das dificuldades do clube e eles não querem fazer uma proposta que não possam cumprir, o que é até legal".

Entendo perfeitamente a situação dramática e o pepino que o CEP herdou do maldito Nininho, mas que pense, repense e tente de todas as maneiras manter o Jefferson em 2015.

Custe o que custar!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!! 

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Não precisa voltar das férias

















Terminada a pior temporada da história do Botafogo, chegou a hora da nova diretoria trabalhar no planejamento e remontagem do elenco para 2015.

Enquanto isso, os atletas estão de férias e muitos nem voltaram de Brasília para o Rio de Janeiro.

No desembarque na Cidade Maravilhosa, o "colosso goleador" Bruno Corrêa, falou:

"- Foi uma despedida tranquila do grupo. Agora o pessoal quer ficar com suas famílias. Eu, por exemplo, fiquei quatro anos fora do Brasil".

Meu comentário: Pelo amor de Deus, volte para fora do Brasil e fique mais quatro, oito ou doze anos por lá. Não precisa passar mais em General Severiano!

Pelo amor de Deus!

Obs: O Cantinho Botafoguense também entrará em um ritmo mais 'light' durante esse mês. As atualizações continuarão sendo diárias (sempre que possível), porém, menos frequentes, ok? Em 2015 também voltaremos com o ritmo normal.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

Vira o disco
























Terminada a temporada, o técnico Vagner Mancini falou sobre o rebaixamento do Botafogo:

"- Na maneira de enxergar, pelo que leio e ouço nas ruas, todo mundo entendeu que a culpa maior não foi nossa, treinador e atletas. Claro que existe uma parcela de culpa, mas óbvio que nos sentimos chateados por ver uma grande equipe cair. Eu, vivendo o dia a dia, sei por que o Botafogo caiu. Mas muita gente que está de fora não sabe o que nós vivemos ao longo dos últimos sete meses".

Tudo bem que ele tem razão, mas tirando os funcionários do clube (estes sim, certamente sofreram bastante com os problemas financeiros), eu gostaria de ver os jogadores e comissão técnica tendo que acordar cedo e trabalhar - de verdade - todos os dias de 7h às 18h para receber 1/200 (um duzentos avos) do que recebem.

Do jeito que eles falam, parece que sofreram absurdos, coitados. 

Não ferra também! Quem tem pena é galinha.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!