quarta-feira, 16 de abril de 2014

Novo comandante
















Confirmado como técnico do Botafogo, o Vagner Mancini ainda não foi apresentado oficialmente, mas já falou sobre o desafio.

Clique aqui (retirado do site FogãoNet) e confira alguns trechos da primeira "entrevista" do novo comandante alvinegro.

Destaco a seguinte pergunta e resposta:

"Pedirá reforços?

VM: Combinamos que, na medida do possível, alguns outros atletas virão".

Já me bateu um desânimo (e não é nada contra o Mancini)...


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

terça-feira, 15 de abril de 2014

Sozinho não mudará muita coisa

















Na tarde de ontem, o diretor técnico do Botafogo, Sidnei Loureiro, falou sobre as negociações com o atacante Emerson Sheik:

"- Estamos finalizando a contratação. Ele é 99,9% jogador do Botafogo, mas nós só anunciamos quando estiver tudo no papel. Esperamos que ele faça exames nesta terça e seja apresentado, no máximo, até quarta".

Mais tarde (já de noite), o Reinaldo Pitta, empresário do atacante, publicou a seguinte mensagem em uma rede social:

"- A estrela que o Botafogo precisava chegou. Emerson Sheik é do Fogão".

Faço três observações sobre esse provável acerto:

1- O Emerson de hoje não é - nem de longe - aquele que jogou muita bola nos anos de 2009,10 e 11. 

2- Apesar da idade "avançada" e natural queda de rendimento físico, ele ainda escolhe camisa no atual elenco botafoguense.

3- Que ninguém ache/pense que o Sheik conseguirá, sozinho, mudar todo o panorama e futebol do Botafogo. Longe disso!

Acréscimo: O jogador acabou de ser oficialmente confirmado pelo Botafogo.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

E nada acontece com a "galera da praia"

















Há menos de uma semana para a estreia no Brasileirão, o Botafogo vive em uma completa bagunça provocada por erros dos incompetentes responsáveis pelo departamento de futebol do clube.

Ontem foi dia de "faxina" sem qualquer planejamento e/ou explicação.

Em nota no seu site oficial, o Botafogo se pronunciou:

"O Botafogo de Futebol e Regatas comunica que, em processo de reformulação no Departamento de Futebol, o preparador físico Ricardo Henriques e seu auxiliar Paulo Camello, o preparador de goleiros Flávio Tênius, os auxiliares técnicos Eduardo Barroca e Flávio de Oliveira e o analista de desempenho Marcelo Xavier, não fazem mais parte da comissão técnica do clube.

O Botafogo agradece os serviços prestados pelos profissionais durante o tempo que estiveram no clube e deseja sucesso em suas respectivas carreiras".

Questionado sobre a sua demissão, o agora ex-preparador de goleiros, Flávio Tênius, falou:

"- Se vocês foram pegos de surpresa, eu também fui. Não tem motivo. A reunião foi por departamento. Fui chamado e comunicado da demissão. Disseram apenas que era por uma reformulação no futebol do clube. Mas é estranho… Estava já há quatro anos no Botafogo. É uma coisa nova para mim, pois nesses anos de preparador de goleiros sempre sai sem problemas".

E logo após as dispensas dos citados acima, surgiu a notícia de que o zagueiro Bolívar (um dos líderes do elenco) também não está mais nos planos do clube. Segundo informações, a ordem para rescisão contratual teria sido dada diretamente pelo presidente Mauricio Assumpção.

No caso do zagueiro, ainda não houve qualquer pronunciamento oficial dos lados envolvidos. Tão logo tenhamos algo, debateremos aqui no CB, afinal, é muito estranho. Principalmente por se tratar de um dos atletas mais experientes e líder do grupo.

Terá sido uma represália pela liderança do Bolívar (além do Jefferson) nas manifestações contra os salários atrasados?

Difícil pensar em outro motivo, né?

Espero que não, mas para mim, o presidente Mauricio Assumpção quer apenas os "cordeirinhos" em General Severiano. Aqueles que aceitam qualquer coisa sem se manifestar (mesmo que tenham direitos).

E o mais incrível é: Demitem vários profissionais (e agora, jogadores) do departamento, mas mantém o Eduardo Hungaro, Sidnei Loureiro e Chico Fonseca. Repararam? Impressão minha ou com a "galera da praia" nada acontece?

Deve ser impressão. Só impressão...

Obs: E alguns demitidos (ontem e tempos atrás) se manifestaram na internet. Clique aqui - retirado do blog Meio de Campo, do site Globoesporte - e confira a zona que é essa "gestão moderna e profissional" do presidente Mauricio Assumpção.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

segunda-feira, 14 de abril de 2014

Ih, sujou...















Informação retirada do blog do jornalista Gilmar Ferreira:

"Patrocinador do Botafogo declara falência nos Estados Unidos".

Clique aqui e leia na íntegra.

Meu comentário: Era só o que faltava. Tomara que não respingue no Botafogo. Mas se acontecer (e eu acho que acontecerá), não foi por falta de aviso que essa parceria tinha tudo para ser um "grande problema" e "queimação de filme".

Obs: Só resta saber se o diretor executivo Sergio Landau falou a verdade há meses atrás, quando disse que o Botafogo já havia recebido e gasto o valor do patrocínio acordado.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

O problema é quem pode vir


















Notícia retirada do site Lancenet:

"Reformulação no Botafogo passa por saídas de joias e medalhões.


Enquanto Sheik chega, elenco deverá ter mudanças significativas para o segundo semestre".


Dizem que Dória, Gabriel e Lodeiro são nomes certos nessa lista.

Entendo o fato de precisarmos de dinheiro, mas o que me preocupa mesmo é o que pode ser feito com o arrecadado nessas possíveis vendas. Não duvido nada que cheguem novos gêmeos, Aírtons ou Wallysons da vida.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

domingo, 13 de abril de 2014

Resumo perfeito
















Mais uma declaração do presidente Mauricio Assumpção na última sexta-feira:

"- Quem errou fui eu. Sou o presidente. Não posso dizer que só o Hungaro errou. Erramos. Várias são as decisões que passam por mim. Se teve erro, ele é meu. Assumo isso. Varias questões foram colocadas na mesa mais cedo. Errou diretoria, treinador e jogadores. É dividido, mas quem assume sou eu".

Em outras palavras, mais uma confissão de erro de planejamento. 

Mas parece que nem todos os torcedores acreditam nessa "mea culpa" do presidente...

Ontem foi realizado um pequeno manifesto/protesto na frente de General Severiano. Entre várias faixas, uma resume perfeitamente o que prevalece na atual gestão. A faixa dizia assim: "mais profissionais e menos amigos".

Nada mais a acrescentar!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

sábado, 12 de abril de 2014

Agora?

















Eis que retorno à Vitória e dou de cara com a demissão do Eduardo Hungaro (voltou a ser apenas auxiliar técnico), a saída do péssimo atacante Henrique e negócio praticamente fechado com o Emerson Sheik.

Mas o mesmo foi o aparecimento do presidente Mauricio Assumpção falando sobre as vergonhosas participações do Botafogo nos campeonatos e as mudanças feitas:

"- Até esse momento nenhum treinador foi contatado ou recebeu uma proposta oficial do Botafogo. Quem disser o contrário está mentindo. Queremos alguém vitorioso, porque é o que precisamos. No mercado, sem estar empregado, têm algumas opções. Temos tempo para resolver essa questão em definitivo, pois só voltaremos a jogar no dia 20. Mas não queremos estender muito, mas dar tempo de trabalho para o novo profissional. Segunda ou terça no máximo teremos o nome".

Agora, depois da Libertadores que não disputávamos há 18 anos, ele fala na necessidade de um treinador vitorioso?

É um brincalhão.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

sexta-feira, 11 de abril de 2014

35 estrelas





























É, meus amigos...
...o tempo é implacável.

Mas é bom vê-lo passar e saber que você aproveitou o passado, continua aproveitando o presente e certamente aproveitará o futuro.

Até que tenha um fim. E sempre tem um fim.

Hoje completo 35 anos, cada vez mais feliz com a vida (apesar de todos os percalços, dificuldades e surpresas)...
...e até com o Botafogo.

Ah, esse Botafogo! Que amor é esse, né?

E juro, aumentou ainda mais desde que me tornei pai.

A emoção de passar essa paixão alucinada para o seu/sua filho/filha é indescritível.

Aliás, meu filho, tão pequeno e também já apaixonado por essa Estrela Solitária.

Obrigado, Dani! Obrigado, Botafogo! Vocês significam tudo para esse "jovelho" de 35.

Obs: E como "presente" de aniversário, acreditem, estarei fora o dia todo. Não conseguirei mais postar nada por hoje. Tentarei responder os comentários na medida que tiver acesso do celular (mas amanhã o CB volta ao ritmo normal).


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Cara de pau igual ao presidente
























Análise do técnico (?) Eduardo Hungaro, minutos depois da derrota para o San Lorenzo (o segundo vexame da temporada - o primeiro foi a eliminação precoce no estadual):

"- A equipe não esteve em campo. É inaceitável o rendimento da equipe, e surpreendente. Não tivemos saída de bola, poder de marcação ou contra-ataques. Foi um jogo em que realmente o rendimento, além de surpreendente, foi inaceitável. A expectativa era discutir o jogo com o San Lorenzo, mas só um time esteve em campo".

Esse babaca não pode estar falando sério. O rendimento do time não foi surpreendente. Foi exatamente igual ao apresentado ao longo da temporada. E isso, se não foi ainda pior.

Em relação à aceitação, o que ele fazia na beira do campo enquanto via os seus comandados não fazendo nada do que haviam "planejado"? Falar que a derrota de ontem foi inaceitável e esquecer as vergonhosas derrotas no campeonato carioca e as amareladas na própria Libertadores?

Agora é fácil.

Pena (para o EH) que só cola com os torcedores ingênuos. 


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

Tudo dentro do planejamento















Palavras do Jorge Wagner, após a derrota para o San Lorenzo e consequente eliminação (sendo o lanterna do grupo) da Libertadores: 

"- Fizemos um planejamento. Tivemos a chance de conseguir a classificação em casa. Sabíamos que ia ser difícil jogar contra eles aqui e não conseguimos suportar a pressão. Agora é levantar a cabeça, mas está difícil. É muita coisa".

Com certeza fizeram um "planejamento"...
...e o seguiram à risca.

Vindo de Mauricio Assumpção, Chico Fonseca, Sidnei Loureiro e Eduardo Hungaro, como duvidar do "planejamento"?

Hoje, 10 de abril, temos as seguintes metas alcançadas em 2014: Pior campanha da história no campeonato carioca e último do grupo na Libertadores.

E ainda falta o "planejamento" para o segundo semestre, hein?

Eu confio!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

Acabou a temporada
















San Lorenzo 3 x 0 Botafogo.

Raiva? Antes fosse. É vergonha mesmo.

Uma campanha patética e lamentável no campeonato carioca (sequer se classificando entre os quatro semifinalistas) e o último lugar no seu grupo da Libertadores.

Assim já acabou o primeiro semestre do Botafogo em 2014.

Aliás, primeiro semestre nada. Assim terminou a temporada, pois não pode existir uma pessoa em sã consciência que acredite em um título da Copa do Brasil ou Brasileirão, né? 

Pensando bem, teremos apenas um motivo para torcer até dezembro: Pelo não rebaixamento no campeonato brasileiro.

Sobre o jogo e eliminação desta noite?

Pra quê perder tempo falando o de sempre? Um time fraco, mal treinado, sem sangue, com um estagiário no comando técnico apenas por ser amigo daquele que certamente é o grande responsável/culpado por tudo de mais lamentável e vergonhoso no atual Botafogo: O presidente Mauricio Assumpção.

Na boa, sei que estou escrevendo com a cabeça quente e amanhã posso mudar de ideia, mas o Botafogo do Nininho está me fazendo pensar seriamente em dar uma pausa ou diminuída no ritmo aqui do CB.

Esse não é o meu Botafogo.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

Botafogo 0 x 3 San Lorenzo

1- Jefferson: Evitou uma derrota ainda maior - 6,5

2- Lucas: Levou um banho do ataque argentino - 3,5

3- Dória: Completamente abandonado pelo péssimo lateral esquerdo (JC) - 5,0

4- Bolívar: Sem nenhuma vibração ou liderança em campo - 4,5

5- Aírton: Quanto será que rendeu ($) aos envolvidos na transação? - 3,0

6- Julio Cesar: Como pode ser titular até hoje? - 3,5

7- Wallyson: Uma grande merda - 3,5

8- Gabriel: Perdido em campo - 4,0

9- Ferreyra: O único jogador de linha a jogar com seriedade - 6,0

10- Jorge Wagner: Não tem culpa de ser alçado a uma patente que nunca teve em sua carreira - 5,0

11- Lodeiro: uma lástima - 3,5

12- Bolatti: Entrou quando a vaca já tinha ido para o brejo - 4,0

13- Henrique: Na mesma situação do Bolatti - 4,0

14- Fabiano: Poucos minutos em campo, nem tocou na bola - Sem nota

Eduardo Hungaro: Tem dívida eterna com o Nininho. O pior treinador a passar por General Severiano nos últimos muitos anos - 1,0

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Decisão na Argentina
















É hoje!

Não tem jeito. 

O Botafogo conseguiu dificultar - em casa, contra o Unión Española - uma classificação que estava praticamente certa para a próxima fase da Libertadores.

Agora não há outra opção: É vencer o San Lorenzo lá na Argentina.

E nada de confiar no empate, pois assim dependeríamos do resultado de Unión e Independiente.

Para piorar, os argentinos se classificam com uma vitória simples também. Ou seja, virão com tudo e com o apoio da sua torcida.

Não vencemos o Unión e nem o Independiente (um empate e uma derrota), mas agora precisamos fazer o que na teoria sempre foi considerado o mais difícil.

Não importa como, é vencer ou vencer.

Pra cima deles, Fogão!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!